Bio Philosophy

Os poluentes interiores

Materiais naturalmente antibacterianos e antibolores

Entre os contaminantes ambientais de interesse emergente, os alergénios interiores, como ácaros, fungos e bactérias, assumem um papel cada vez mais importante.

O aumento dos casos de asma registados nos últimos anos entre as crianças e os adolescentes, sobretudo asma do tipo perene e não ligada às estações, tem levado a considerar a sensibilização aos alergénios (biológicos e químicos) presentes nos ambientes interiores uma das causas principais para os fenómenos asmáticos.

Uma elevada humidade do ar e das alvenarias favorece o crescimento e a proliferação destes microrganismos.

Os materiais para o GreenBuilding Kerakoll, com alto pH básico, são naturalmente antibacterianos, antibolores e garantem ambientes secos, sãos e desinfectados, não permitindo que bactérias e bolores cresçam e proliferem danificando a salubridade dos ambientes e o bem-estar das pessoas.

Os ensaios foram efectuados junto do Instituto CSTB – Centre Scientifique et Technique du Bâtiment – Laboratório de microbiologia do Departamento Energia-Saúde-Ambiente / Divisão Saúde, Marne-la-Vallée, Paris, em colaboração com o Instituto Pasteur de Paris e com o Instituto de Higiene e Epidemiologia – Micologia de Bruxelas.

Os alergénios interiores mais difundidos:

BACTÉRIAS
Onde se encontram
Multiplicam-se em toda a parte e de modo incrivelmente rápido.
Num período de tempo muito breve, surgem odores desagradáveis.
Como actuam
Fixam-se e actuam sobre a higiene, saúde e valência estética da parede, degradando-a.

FUNGOS
Onde se encontram
Proliferam em ambientes húmidos e com falta de ventilação.
Danificam os polímeros de maneira duradoura, dado que formam manchas e destroem o material.
Como actuam
Alimentam-se do ambiente onde se implantam, degradando as características mecânicas e estéticas dos rebocos e das tintas.

ÁCAROS
Onde se encontram
Proliferam nos receptáculos de pó e em clima quente/húmido (25 °C de temperatura, 75% de humidade).
Como actuam
Aos ácaros do pó é imputada a maior parte das alergias registadas na Europa.

BOLORES E ALGAS
Onde se encontram
Proliferam em ambientes com forte humidade e necessitam de luz para se multiplicarem.
Como actuam
Depositam-se e reduzem drasticamente a funcionalidade do reboco que, impermeabilizado por estes microrganismos, deixa de respirar.
Alojam-se criando desagradáveis manchas verdes e vermelhas nas paredes.
Fortes odores insalubres.

 
   PRIVACY  -  COOKIE POLICY  -  Legal Notice  - Contacto   

2008 - KERAKOLL - VAT 01174510360 - ALL RIGHTS RESERVED